terça-feira, 20 de setembro de 2011

CINZA, NEVE, ÁGUA E MUITA AVENTURA



Oi gente






















Hoje cedo, não tão cedo, deixamos Bariloche, isso porque a Aduana, que fica a 95km de Bariloche, somente abre as 12h e encerra as 16h e fomos rumo a Osorne, primeira cidade dentro do Chile. Logo na saida fomos obrigados a parar para ¨sacar unas fotos¨. A paisagem era tão deslumbrante que seria praticamente impossível não registra-la para os anais da nossa história.
O trajeto todo, montanha abaixo, era de uma beleza impar que não há palavras que a descrevam com tanta precisão.





Chegamos a Vila Angustura, a cidade Argentina mais afetada pelas cinza (cenizas) do vulção Chileno. É incrivel a quantidade de cinza que se espalham pelas ruas da pequena e bonita cidade. Parece que estamos em um outro lugar, tudo esta com um aspecto desolador. Os telhados das casas ainda estão repletos de cinzas e pelo que nos contaram as pessoas afundavam até o joelho nessas cinzas.

O turismo local foi altamente afetado e as pessoas sofreram muito com isso. Creio que a Argentina amargou um enorme prejuízo não só pelo desastre natural como pela falta do nosso rico dinheiro que nós brasileiros depositados todos os anos nesta região. Num determinado momento da viagem eu achei que as folhas dos pinheiros ainda estavam cobertos de neve e só depois que eu percebi que eram cinzas que ficaram agarradas na planta.

Tão logo atravessamos a fronteira e terminamos de descer a montanha a paisagem mudou bruscamente e nos deparamos com uma vegetação tão intensa que quase se parecia com a nossa querida floresta amazonica e logo depois surgiram diante de nossos olhos enormes pastagens com uns gados robustos pastando calmamente.
Vou tentar postar um pouco mais de fotos deste dia para que vocês possam sentir um pouco dessa emoção que tivemos o prazer de vivenciar. Chegamos em Osorno cobertos de cinzas com os olhos e garganta irritados com tantas cinzas em suspensão.








Amanhã partiremos cedo para PUCÓN nosso destino final.
Um beijo a todos e continuem nos acompanhando e claro fazendo seus comentários e criticas também, se isso nos ajudar a melhor cada vez mais.


4 comentários:

  1. Paisagens deslumbrantes!

    ResponderExcluir
  2. Vocês! Abdiel e Amélia, realmente nasceram um pro outro, hein... só vcs pra viverem essas aventuras maravilhosas, sem vcs não teria a menor graça!!!

    ResponderExcluir
  3. A sorte não e quando voce tem pais, porque isso, todo mundo tem, afinal ninguem nasce de chocadeira. Sorte mesmo e quando voce tem pais sabe quem eles são, não so de nome, mas de carater tambem, mas principalmente sorte e quando eles sao presentes na sua vida, independente de estarem juntos.

    Mas sorte mesmo, mesmo, e quando alem de todos os fatores ja citados os teus pais te ensinam todos os dias como fazer um relacionamento dar certo, quando relevar, quando nao relevar, quando valorizar, ou quando nao valorizar pra que o outro te valorize.

    O anonimo que posta no blog(e que ate hoje nao aprendeu a assinar o nome, porque supõe que a gente vai adivinhar quem e) tem razão, voces foram feitos um pro outro mesmo, porque fazem isso todos os dias.

    Morro de orgulho da parceria e da coragem de voces.

    Beijos e mais beijos.

    ResponderExcluir